O poder transformador de uma viagem de Intercâmbio


  Estados Unidos, Europa, Austrália, Nova Zelândia  3241 visualizações

Kris Kuchenbecker Varela adicionou foto de Estados Unidos,Europa,Austrália,Nova Zelândia Foto 1

Sou daquelas que acredita que todo mundo deveria ser obrigado a fazer um intercâmbio em algum momento da vida. Não apenas pelo fato de viajar e ganhar fluência em outra língua, como é o motivo de 90% das pessoas (inclusive o meu antes de meu primeiro intercâmbio). Mas sim pelo poder transformador que uma experiência dessas traz à vida de quem o vivencia.

Antes de embarcar rumo ao meu primeiro intercâmbio, eu não fazia ideia de como ele me transformaria. Eu não apenas sairia dele falando outra língua com mais confiança - como era meu objetivo - mas também com a sensação de que a partir de agora eu era uma cidadã do mundo.

Depois de conhecer tantas pessoas, hoje posso dizer que tenho uma casa para ficar em quase todos os lugares do mundo que pretendo conhecer! E que sei brindar em mais de uma língua rs

Brincadeiras à parte, acho que quem está planejando um intercâmbio deveria se preparar psicologicamente também para estar aberto às experiências que lhe esperam.

Esse negócio de fazer intercâmbio e, chegando lá, só sair com outros brasileiros... Fazer feijoada e ouvir sertanejo todos os dias não é o espírito da coisa, concorda? 

Ao fazer isso, você está deixando passar uma oportunidade única de imergir em outras culturas - e pegar o melhor delas e inserir na sua vida. Quando você conseguir fazer isso, ai sim pode dizer que viveu uma experiência de intercâmbio!

Kris Kuchenbecker Varela adicionou foto de Estados Unidos,Europa,Austrália,Nova Zelândia Foto 2

O que eu trouxe de transformador à minha vida depois do meu intercâmbio?

- Aprendi que respeitar algumas leis simples, como atravessar a rua na faixa de pedestre, deixa não apenas o trânsito mais calmo... Consequentemente deixa minha vida mais calma também;

- Aprendi que receber um "Bom dia" de um estranho é muito acolhedor; mostra que a socidade te reconhece como parte dela. E que pedir desculpas quando passar na frente de alguém no corredor do mercado mostra que você se importa. Na cidade que fiz intercâmbio estas duas atitudes são bem comuns; e, ao voltar ao Brasil, sem querer me peguei fazendo isto também. E, pela primeira vez, percebi nos olhos das pessoas a "estranheza" com este ato.

- Aprendi que as vezes você acha que sua vida já está completa com a família e amigos que você tem. Aí você vai, faz um intercâmbio e conhece pessoas maravilhosas! Pessoas que se transformam em sua segunda família.  O que é dolorido as vezes.. Pois, ao voltar à sua realidade estas pessoas geralmente estão há muitas milhas distantes... Mas tudo bem. É assim que a gente aprende a cultivar amizades.


- Aprendi  que meus gostos e hábitos mudam. E que isso é ok! Não conseguia viajar com menos de duas malas? Agora viaja com uma mochila! Estava acostumado a gostar da sua individualidade? Agora se hospeda em albergues com outras 20 pessoas, sem problemas.. Afinal, depois de dividir quarto com outras 3 pessoas, tudo fica mais fácil... Tinha preconceito com argentinos? Agora está esperando uma visita de algum hermano... indiano, australiano...  Você descobriu que ter outras culturas fazendo parte de sua vida é algo muito gratificante! 


- Aprendi que largar algumas partes da minha cultura, como o jeitinho brasileiro, é ok! E que incorporar outras partes, de outras culturas, é ok também! Não precisamos necessariamente viver o resto da vida com as crenças e ideologias que vivemos até agora.  Depois de um intercâmbio, você aprende a largar o que não te faz bem de uma maneira muito mais tranquila.


Poderia ficar horas e horas listando as experiências que vivi! E, quem já fez um intercâmbio vai concordar comigo :) Ainda ontem escrevi em meu Blog um post com 24 sinais que você fez um intercâmbio inesquecível e me peguei pensando sobre o meu. De tempos em tempos algum amigo ou conhecido vem trocar uma ideia comigo sobre o assunto, e é sempre algo positivo! Por isso, resolvi escrever este post. 

Como falei lá no início, sou da opinião que todo mundo deveria fazer um intercâmbio em algum momento da vida! E eu espero que este post te ajude a pensar nisso... Se você está na dúvida se usa aquele dinheiro pra fazer um intercâmbio ou não, eu digo: Faça! Não há outra coisa neste mundo que te transforme tanto quanto um intercâmbio :)


- - - -

Se você curtiu esse texto, ficaria extremamente feliz se pudesse dar um nele aí embaixo ou compartilhar com seus amigos!

COMENTÁRIOS:

Dennis Carlotti

Dennis Carlotti comentou 2 anos atrás

Bonito texto, incrível como nos inspira e nos transforma né? escrevi sobre o intercâmbio também no meu primeiro texto aqui no Dubbi, a uns 4 meses atrás.. de uma lida se um dia quiser, quem sabe te interesse e possa ver a ligação dos textos! =)

Mauro Dowd

Mauro Dowd comentou 2 anos atrás

Adorei seu texto! Parabéns pela história inspiradora :)

Já imaginou fazer uma viagem 100% personalizada e feita sob medida para você?!

O Instaviagem.com é uma agência online especializada em criar roteiros 100% personalizados e sob medida para cada viajante. Você preenche um questionário informando todas as suas preferências e interesses e recebe uma consultoria grátis de um Especialista de viagens. Após fazer o orçamento, basta realizar o pagamento que o Instaviagem organiza toda a sua viagem do começo ao fim!

Recomendamos para você:

Viajantes também leram:

SUA VIAGEM COMEÇA AQUI

Dubbi é um novo espaço para que pessoas incríveis que amam viajar possam interagir, se ajudar e compartilhar suas histórias e dicas de viagem.

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.