Sul da Bahia para quem quer paz e tranquilidade


  Bahia, Praia de Moreré (Ilha de Boipeba), Ilha de Boipeba, Praia de Bainema (Ilha de Boipeba)  1892 visualizações

Suely Leal adicionou foto de Bahia,Praia de Moreré (Ilha de Boipeba),Ilha de Boipeba,Praia de Bainema (Ilha de Boipeba) Foto 1Quando se fala em sul da Bahia todo mundo pensa logo em Porto Seguro, Arraial dÁjuda, Trancoso ou então Morro de São Paulo que fica na Ilha de Tinharé.  Esses lugares já estão super famosos e por isso mesmo estão sempre lotados!!!!  Embora sejam realmente lindos!

Pouca gente conhece uma outra ilha chamada Ilha de Boipeba, que fica no Arquipélago de Tinharé, o mesmo de Morro de São Paulo.  A Ilha de Boipeba esconde praias paradisíacas e ainda muito pouco conhecidas da grande massa, o que faz desses lugares verdadeiros paraísos na terra.

Para se chegar lá não é muito fácil, mas vale a pena todo o sacrifício!!!!

Saí de Salvador, que sem dúvida vale uma visita, adorei!!!  Tinha um certo preconceito, já que não sou fã de axé e achava que em toda a Bahia só ouviria esse ritmo, qual minha surpresa que nos 10 dias em que lá estive não ouvi um axé sequer!  Basta escolher os lugares certos, é claro!

Voltando ao roteiro, de Salvador no Terminal Marítimo São Joaquim peguei um Ferry-Boat que atravessa a Baía de Todos os Santos até Bom Despacho na Ilha de Itaparica. A travessia demora uma hora mais ou menos e a passagem custa em torno de R$ 5,00. De Bom Despacho segui de ônibus até Valença e o custo da passagem foi de R$ 20,00.  Tem taxi que faz o percurso Bom Despacho-Valença, mas acho que eles cobram bem caro, em torno de R$ 200,00.  Assim como tem taxi aéreo que faz Salvador-Boipeba, que no meu caso é fora de cogitação.  Meu objetivo é sempre fazer viagens com baixo custo e por isso viajar mais :).

De Valença se tem duas opções a lancha rápida que vai direto até a Ilha de Boipeba, com 1 hora de viagem e o custo em torno de R$ 40,00 ou ir de ônibus até uma pequena cidade chamada Torrinha e de lá pegar uma lancha até Boipeba.  A lancha que estava partindo quando cheguei a Valença já estava cheia e teria que esperar mais ou menos umas 3 horas até a próxima, aí preferi pegar o ônibus até Torrinha, mas não aconselho a ninguém fazer essa escolha, porque o trajeto é longo, cerca de uma hora e meia, a estrada é de terra e super mal conservada e o ônibus cai aos pedaços de tão velho, bancos quebrados, janelas que não fecham, você vai comendo terra, literalmente, por todo o caminho.  De Torrinha peguei uma lancha que também leva em torno de 1 hora e custa uns R$ 20,00 (ônibus+lancha).

O trajeto da lancha é espetacular!

Resumindo:  de Salvador à Velha Boipeba, a "maior" cidade da ilha onde tem o porto, levei cerca de 8 horas!!!!!

Escolhi dividir minhas 6 noites na ilha da seguinte maneira: 3 noites em Velha Boipeba na chegada, 2 noites em Moreré e mais 1 noite em Velha Boipeba no fim.  Como não encontrei muitas informações, achei que seria complicado sair de Moreré direto pra Salvador, por isso coloquei mais uma noite em Velha Boipeba.  Não me arrependi!  Assim pude explorar a região com toda a tranquilidade e fazer TODOS os passeios!!!!

Gente, que lugar maravilhoso!!!!!! É mesmo imperdível!

De Boipeba para Moreré é preciso pegar o trator (que só sai com no mínimo 6 passageiros) ou um moto táxi, caso não tenha número suficiente de passageiros.  A pé só se tiver sem bagagem e em horário de maré baixa.

Velha Boipeba tem mais estrutura, como pousadas e restaurantes, apesar de ser super pequenininha!  Não vá esperando luxo, é tudo muito simples e, por isso mesmo,  muito gostoso.  Recomendo o passeio de barco que faz a volta à ilha, com parada nas piscinas naturais de Moreré, numa praia paradisíaca que se chama Ponta dos Castelhanos e parada para almoço numa vilinha super linda chamada Cova da Onça, onde comi a melhor lagosta da minha vida.  Um prato que serve 3, com tranquilidade, com mais ou menos meio quilo de lagosta paguei R$ 100,00.

Em Moreré escolhi fazer o passeio a pé pelo manguezal e fazendas de coco, até a Ponta dos Castelhanos, para esse passeio é necessário contratar um guia (um jovenzinho local), porque corre o risco de se perder no manguezal, além da questão da maré, que pra quem não conhece, chega a ser perigoso!

Moreré é beeeeeeem menor que Boipeba e tem que ficar atento para não correr o risco de ficar sem ter o que comer à noite, porque as barracas da praia fecham cedo e no centrinho só tem uma pizzaria, que aliás é uma delícia, que fica aberta até às 22 horas.

Para a volta comprei minha passagem de lancha rápida, com antecedência, e assim consegui me livrar do tal ônibus.  Como saí de lá no fim da tarde peguei no caminho um por do sol de encher o coração e a alma!

- - - -

Se você curtiu esse texto, ficaria extremamente feliz se pudesse dar um nele aí embaixo ou compartilhar com seus amigos!

COMENTÁRIOS:

Caio Martins

Caio Martins comentou 2 anos atrás

Suely muito legal. Sempre quis conhecer o sul da Bahia mais desconhecido! Seu texto me motivou a fazer essa viagem!

Suely Leal

Suely Leal comentou 2 anos atrás

Caio, vale muuuuuuuito a pena! A regi?o é belíssima!

Sua viagem tão sonhada planejada por um Expert de viagem

O Instaviagem.com é uma agência online especializada em planejar roteiros 100% personalizados e feitos sob medida para cada viajante. Você preenche um questionário informando todas as suas preferências e orçamento e recebe uma consultoria de um verdadeiro viajante profissional!

Veja opções de roteiros personalizados para Bahia, Praia de Moreré (Ilha de Boipeba), Ilha de Boipeba, Praia de Bainema (Ilha de Boipeba),

PLANEJAR MINHA VIAGEM

Recomendamos para você:

Viajantes também leram:

SUA VIAGEM COMEÇA AQUI

Dubbi é um novo espaço para que pessoas incríveis que amam viajar possam interagir, se ajudar e compartilhar suas histórias e dicas de viagem.

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.