De Madri a Barcelona com carro alugado


  Madri, Toledo, Castellón de la Plana, Barcelona  3763 visualizações

Uma semana no trajeto Madri - Barcelona

 
Em uma das viagens de trabalho do meu marido, resolvi me aventurar e pegar uma caroninha com ele.
Ele foi antes, pois primeiro tinha compromissos na Itália e Alemanha. Uma semana depois de sua partida, embarquei sozinha e encontrei ele em Madri, onde ele alugaria um carro e participaria de algumas reuniões no trecho entre Madri e Barcelona. Chegamos por Madri e voltamos por Barcelona.
Viajar de carro alugado pela Espanha é bem simples.
Locamos o carro no aeroporto mesmo. Pediram habilitação , passaporte, cartão de crédito com limite disponível de 400 euros e mais nada. A atendente nos disse para não nos preocuparmos pois o carro estava com seguro, nos entregou a documentação (que deve ser guardada com muito cuidado) e a chave. Fomos sozinhos ao estacionamento do aeroporto e pegamos o carro, que por sinal era novinho, um Renaut Clio, sem que nenhum funcionário estivesse presente.
Pegamos a estrada rumo a Toledo, uma cidadezinha medieval linda demais.Passeio imperdível!
As estradas são muito tranquilas, bem sinalizadas e repletas de pedágios!
Estacionar não é problema, em todos os lugares existem estacionamentos públicos (que são pagos).
De Toledo seguimos para Castellón, uma cidadezinha charmosa, onde meu marido tinha que trabalhar, afinal, para ele, era uma viagem de trabalho, só eu estava turistando, de carona com ele!
Abastecer o carro na Espanha é diferente do Brasil, não existem frentistas nos postos, você abastece sozinho e se dirige a lojinha de conveniência para efetuar o pagamento. Confesso que senti certa tensão por parte do meu companheiro de viagem, mas como eu era uma simples e humilde navegadora não dei opinião e fiquei aguardando dentro do carro. O processo deve ter sido simples, pois em nenhum momento ele xingou ou reclamou, e pela cara de satisfeito que ele entrou no carro, acho que foi uma experiência bem legal.
Já os pedágios, eu não diria que foi tão bacana assim... Prepare as moedas e notas miúdas. Não me lembro quanto gastamos ao todo, mas alguns pedágios chegaram a custar 13 euros.
Você segue pela estrada e na primeira cabine não paga nada, só pega um ticket que deve ser entregue na próxima cabine, quilômetros a frente, onde você introduz aquele ticket e a máquina dá o valor que você deve pagar. Você introduz o dinheiro no local indicado e recebe um recibo impresso. Se não tiver o valor exato trocado não há problema, pois a máquina devolve seu troco. Pelo que entendi, o valor pago é de acordo com a distância percorrida. Não existem funcionários para receber ou dar informações, o processo é todo automático, assim como nos estacionamentos.
De Castellon seguimos para Barcelona, como saímos no final da tarde queríamos ir direto, só desviamos um pouco o trajeto para passar por Tarragona, que deve ser linda, mas como já era noite, vimos muito pouco. Paramos apenas para comprar a Coca-Cola mais cara da minha vida! Cinco valiosos euros por uma garrafinha de 600ml quase sem gelo.
Barcelona é uma cidade linda, mas a noite um GPS é fundamental. São avenidas super movimentadas e a sinalização na cidade é um pouco confusa para quem não é da região.
Passamos dois dias em Barcelona, e como era uma viagem de trabalho, não deu para conhecer tudo da cidade, o tempo era escasso para tudo o que Barcelona tem a oferecer,e eu ainda tirei um dia para visitar Montsserrat, que por sinal é um bate-volta que vale muito a pena, mas do pouco que vimos, eu passaria uma semana ali sem tempo para ficar entediada... a cidade é linda!
Estacionar na rua é bem complicado e o estacionamento do hotel nos custou 17 euros. Perto dos pontos turísticos sempre há estacionamentos públicos (lembre-se: públicos, porém pagos!) subterrâneos e bem organizados, se você tiver algun euros, não haverá estresse, pois sempre há vagas.
Foram em média 700 quilômetros, percorridos em cinco dias, com muitos pedágios, belas paisagens, alguns castelos e muita história para contar.
O legal em alugar um carro é que você pode se dar ao luxo de parar, admirar a a paisagem e tirar fotinhos.
É difícil dizer o meu lugar favorito, as cidades são lindas!
 
 

- - - -

Se você curtiu esse texto, ficaria extremamente feliz se pudesse dar um nele aí embaixo ou compartilhar com seus amigos!

COMENTÁRIOS:

Telma Caramelo

Telma Caramelo comentou 3 anos atrás

Puxa! Não consigo anexar nenhuma foto ao post! Quando coloco a foto e publico o post aparece página em branco... ;(

RUTECN

RUTECN  comentou 3 anos atrás

Jóia, Telma! Tenho certeza que tirou fotos lindas! Olha, depois de abaixar a foto vc dá o ok para anexar? Eu também tive dificuldade no início; tente clicar no salvar rascunho antes de publicar, pois pode ser que com a demora já tenha saído da conexão. Um abraço

Telma Caramelo

Telma Caramelo comentou 3 anos atrás

Rute, obrigada pela dica, vou continuar tentando! ????

Fernando Ceron

Fernando Ceron comentou 3 anos atrás

Telma valeu pela dicas. Trajeto de carro é otimo, mas sempre lembrando dos detalhes de custos a enfrentar. Parabéns.

Sua viagem tão sonhada planejada por um Expert de viagem

O Instaviagem.com é uma agência online especializada em planejar roteiros 100% personalizados e feitos sob medida para cada viajante. Você preenche um questionário informando todas as suas preferências e orçamento e recebe uma consultoria de um verdadeiro viajante profissional!

Veja opções de roteiros personalizados para Madri, Toledo, Castellón de la Plana, Barcelona,

PLANEJAR MINHA VIAGEM

Recomendamos para você:

Viajantes também leram:

SUA VIAGEM COMEÇA AQUI

Dubbi é um novo espaço para que pessoas incríveis que amam viajar possam interagir, se ajudar e compartilhar suas histórias e dicas de viagem.

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.