Juliana Paiva

 Passeios e Pontos Turísticos   França, Paris

O que fazer barato a noite em Paris?

Gostaria de dicas de bares, baladas, passeios de barco, melhores bairros, rooftop, shows... coisas para se fazer a noite em Paris, no mês de Junho, e que tenham um preço barato.

Se possível gostaria de lugares mais frequentados por locais do que turistas.

Meu perfil de viagem: Mochileiro, Fotógrafo

Responda a dúvida de Juliana

Escreva a sua resposta...
RESPONDER

2 Respostas

Ed On The Road

MELHOR RESPOSTA

Ed On The Road Viana do Castelo

respondeu 2 anos atrás

Olá Juliana! Tudo bem?

Já de cara te indicaria escolher a Rue de la Huchette , que tem muitos bares, cafés e movimento de locais e turistas.

Uma opção um pouco mais turística, mas ainda sim imperdível são os cruzeiros. Seguem duas opções top:

- Cruzeiro com Champagne

- Cruzeiro Gourmet

Ainda têm os Cabarets, que não são os mais baratos, mas também super aconselháveis...

- Crazy Horse

- Paradis Latin

- Le Lido

No mais, aconselho uma volta pelo Quartier Latin e alguns bares...

- Hemingway Bar
- Experimental Cocktail Club

- Chez Michou

Bem, espero ter ajudado.

Caso precise de mais info sobre Paris, veja www.edontheroad.com/pb

Boa viagem!!!

Lugares mencionados
Aldo Cruz

Aldo Cruz São Paulo

respondeu 2 anos atrás

Oi Juliana,

Pelo que entendi, você quer conhecer Paris fora dos clichês turísticos, Se for assim, seguem algumas dicas de um post que fiz há um bom tempo.

Conheço muito bem Paris, porém não sei qual o tipo de turismo que vc gosta de fazer, mas de qualquer forma seguem algumas dicas e espero que você possa aproveitar algumas das minhas sugestões, que fogem  do lugar comum.

Ao invés de pegar a fila enorme pra conhecer o Louvre, recomendo o Musée L’Orangerie e  Musée Marmottan Monet, ambos com muitas obras de Monet e outros impressionistas.  Claro que o D’Orsay também é quase obrigatório, pra quem não o conhece.

Café A - Este café tem um jardins muito gostoso. O menu é composto de saladas, brusquetas, sopas frias e poucos pratos do dia. 148 rue du Faubourg Saint-Martin. 10eme. metro Chateau-Landon, linha 7.

Quanto a “comidinhas” recomendo muito o restaurante “Chez Paul”, 13 rue de Charonne (na Bastille, metrô linha 8 estação Ledru- Rollin)  onde se faz o melhor steak au poivre de Paris, e o  “Le Bistrot du Peintre”, na mesma região, no 116, Avenue Ledru-Rollin. Aliás o 11eme, Bastille, é uma região muito legal, com muitos restaurantes e vida noturna fora do burburinho turístico, frequentado basicamente por locais.

Na rue Oberkampf você vai encontrar muitos bares e baladas, frequentados basicamente só por locais, quase sem turistas, assim como na continuação dela que é a rue Ménilmontant. 

Parque Buttes Chaumont –É um parque pouco frequentado pelos turistas, e tem uma topografia de montanha. Muito legal pra quem gosta de curtir natureza. Metro Buttes Chaumont

Ver o por do sol no Parque Belleville, Metro Belleville, linhas 2 e 11, com uma vista linda, inusitada e pouco conhecida de Paris. Na frente do parque tem um autêntico “boteco” parisiense, frequentado por locais, chamado La Mer a Boire. Gosto muito desse bar que me faz sentir em qualquer boteco de São Paulo. Antes de visitar o parque, ao descer do metrô, ande uma quadra, vire à direita na rua Dénoyez, que é uma rua cheia de galerias, artistas de rua, grafites e filmmakers em ação.

Andar pela Promenade Plantée também conhecido como  La Coulée Verte  é um passeio muito bacana.  É um jardim suspenso com 4,7 quilômetros de extensão que atravessa praticamente todo o 12° arrondissement. A grande particularidade desse jardim é que ele é totalmente montado sobre o trecho de uma antiga estrada de ferro desativada em 1969. O início é na Bastille (metro Bastille), numa escada que fica na ponta de uma construção em arcos, (Viaduc des Arcs) , na rue de Lyon.

O13º arrodissement tem várias ruelas, passagens, vilas e casinhas que nos fazem voltar no tempo. Nem dá pra acreditar que se está em Paris por conta da paz e silêncio, dando ao local aquele ar de cidade do interior. Sugestão de roteiro (metrô Corvisart – linha 6): Rue de la Butte aux Cailles, Rue Cinque Diamants, Passage Barrault, Passage Boiton, Rue de l’Esperance, Rue Dieulafoy, Rue du Moulin de Prés, Rue du Dr Leray, Square des Peupliers, La Cité Florale – Rue des Glycines, Rue des Orchidées, Rue des Lizeron.

Ao invés de cruzeiro no Sena, vá aos Peniches na margem esquerda do rio – bem em frente à biblioteca Mitterrand, passando a ponte D’Austerlitz, e afastado do burburinho do centro, há  vários peniches (barcos que funcionam como bares) que ficam lotados. A maioria deles tem música e alguns tem até DJ. Um clima perfeito para apreciar o Sena e a Passerelle Simone de Beauvoir. Basicamente frequentado por locais.

Visite a Passagem Brady -  2ème Metro Chateau D’eau, linha 4.É a Índia no coração de Paris. Entradas pelo  46 do Faubourg Saint- Deni ou pelo 33 do Boulevard Strassbourg. Metrô Strassbourg Saint-Denis, linhas 4, 8 e 9

Visite a Rue des Barres, uma rua minúscula, muito simpática, que liga a rue de l’hôtel de ville à rue François Miron. Metrô Pont Marie, linha 7

Visite também a rue Crèmieux, com suas casinhas pintadas, lembrando até o centro velho do Recife. Essa rua é uma travessinha da rue de Lyon, perto da Gare de Lyon.

Teria mais milhares de dicas dessa cidade que eu tanto curto, mas neste blog você vai encontrar muitas dicas do “lado B” de Paris. http://parisladob.com

Boa viagem

Sua viagem tão sonhada planejada por um Expert de viagem

O Instaviagem.com é uma agência online especializada em planejar roteiros 100% personalizados e feitos sob medida para cada viajante. Você preenche um questionário informando todas as suas preferências e orçamento e recebe uma consultoria de um verdadeiro viajante profissional!

Veja opções de roteiros personalizados para França, Paris,

PLANEJAR MINHA VIAGEM

Recomendamos para você:

Perguntas que os viajantes também leram...

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.