Mariana Araujo

 Aventura, Hospedagens, Vistos e Imigração   Espanha, Argentina, Canadá, Estados Unidos, África do Sul

Intercâmbio - cuidados necessários

Estou pensando em fazer um intercâmbio e gostaria de saber, de quem já tem experiência, quais os cuidados necessários ao escolher o lugar e a empresa? É mais vantajoso ir sem empresa?

Meu perfil de viagem: Aventureiro, Mochileiro

Responda a dúvida de Mariana

Escreva a sua resposta...
RESPONDER

10 Respostas

Ordenado por:
Dennis Carlotti

MELHOR RESPOSTA

Dennis Carlotti São Paulo

respondeu 7 meses atrás

Boa noite Mariana, 

Vou te dar um exemplo sobre a Austrália tá? Pra você ter uma base de come pensar e pesquisar! 

Primeira coisa, como é seu inglês? Vai aprender lá ou já tem uma boa base? Se for aprender, já definiu uma coisa que é o curso que quer fazer lá. Existem diversos tipos de cursos, IELTS, CAMBRIDGE, GENERAL ENGLISH, CERTIFICATE IN BUSINESS, cada um com uma necessidade de ciência e domínio de inglês.

Segundo, qual a cidade que você quer morar lá. As mais famosas e maiores são Sydney, Brisbane, Melbourne e Perth.. vou te dar minha opinião de cada uma delas, pois já estive!

Sydney, é iradassa, cidade grande, mas pra mim é São Paulo de primeiro mundo! Tem muita gente, bem big city mesmo sabe? Eu gosto, mas prefiro algo mais vazio, com menos caos!

Perth, é irada também, mas é mais afastada de tudo, isoladinha e mais frio, mas é uma puta cidade.. um pouco mais cara!

Melbourne, pra mim é a melhor de todas.. mais tranquila, cidade grande, melhor qualidade de vida, porém, é a mais cara de todas.. mas não é pouco, pra você ter um exemplo, o curso que irei fazer paguei 12.000k em Brisbane, já em Melbourne estava 22.000k na mesma escola!

Brisbane, pra mim é a melhor de todas elas por conta do custo, é perto de Gold Coast, ByronBay, 40 minutos das praias, é uma cidade grande, com tudo que se precisa e mais tranquila do que as outras!

Decidido esses pontos, você já tem o curso e a cidade definidos! Cote com várias agências (é praticamente impossível você fazer por conta, porque a burocracia no consulado é gigantesca e as agências detém todas as informações necessárias, as ajudas que precisamos até lá fora, pois você estará em contato com eles lá na Austrália também, além dos preços não fugirem tanto assim, mas tenha ciência que lá é um dos países mais caros).

Compare os preços das cidades com cada agência se for melhor, e compare os preços entre as agências. Feito isso, você pode começar a pagar o curso em até 10x e deixa rolar. Incluirá o seguro obrigatório, o curso, o material e a matrícula e vai girar em torno de 4 a 10.000 dependendo da escola, número de semanas e da cidade que escolher!

Depois de tudo isso, mais próximo da viagem, você terá que fazer alguns exames, como o de pulmão/tórax e mais alguns outros, tomar vacina de febre amarela e tal, além disso você pode cotar a viagem por fora, dependendo do preço que as agências te passarem. O melhor preço que você poderá encontrar vai em torno de 3.7500 a 4.100 (se encontrar, compre sem pensar hahaha), mas o normal é entre 4.300 a 5.000, variando época do ano, companhia aerea e a volta que você terá que comprar.

O visto é MUITO burocrático, você terá que comprovar um valor de 30 a 35.000 na conta parados durante 3 meses para comprovar renda pra ficar por lá no mínimo 7 meses que é o tempo de visto de estudante.. você pode usar até 2 familiares para comprovar esta renda, além de todas as documentações que são necessárias, por isso também aconselho a agência, além dos contatos e das facilidades, eles irão te orientar em tudo que for preciso!

Você pode cotar alojamento nas escolas também, ou casa de família.. se você não tiver inglês, o melhor é casa de família pra aprender mesmo, mas é mais caro e tem as restrições da família que você estiver né, quanto a horário, o que fazer e tudo mais.. Se preferir pode ficar um mês no alojamento da escola e depois se mudar para algum apartamento ou casa que preferir após ir conhecendo bastante gente na escola. Se já tiver inglês, a melhor forma é procurar pelo facebook bem próximo da data de sua viagem uma casa ou apartamento, por conta dos valores, ou pegar um lugar por uma semana e chegando lá procurar um canto, que é bem fácil, pois sempre tem gente precisando de gente pra raxar aluguel e com espaço sobrando por preço muito mais em conta que as agências e escolas cobram.

Acho que a princípio é isso.. eu tinha respondido tudo isso a uma viajante que perguntou sobre como organizar uma viagem para intercâmbio, então, em partes, serve pra ti também, só trocando o país de seu interesse e os valores, mas é só pra você ter uma base ta?

Espero ter ajudado um pouco pelo menos já hahah

Um beijo =)

Tiago Imperatori

Tiago Imperatori Lajeado

respondeu 7 meses atrás

Mariana, depende muito do tipo de intercâmbio que vc quer fazer.

Eu já fiz por agência de turismo, por empresas especializadas e tb por minha conta mesmo.

Todas elas foram ótimas, mas qdo da pra economizar e melhor ainda.. hehe

Sugiro que primeiro vc decida  lugar que pretende estudar/trabalhar e, a partir daí, pesquise bastante as referências de escolas para poder iniciar uma negociação. Se eu fosse você, sem experiência, preferiria fazer acompanhado de um consultor que possa te indicar e tb te dar base para qualquer coisa que possa acontecer antes e durante o seu período no exterior.

Eu gostei mto do serviço da CI e indico com certeza. Há várias empresas por ai, mas essa foi otima.

Quanto à escolha do lugar não vejo mto com o que se preocupar: tudo dependo do seu estilo e do que realmente vc procura. Tenho certeza que, onde quer que seja, será a melhor experiência da sua Vida.

Abraços,

Tiago

Natany Lima

Natany Lima

respondeu 7 meses atrás

Olá Mariana, isso é muito pessoal a variável, depende muito do local que deseja ir. Eu fiz intercâmbio, normalmente faço viagens com todo planejamento e compra sozinha, mas nesse caso de curso foi mais vantajoso em todos os aspectos (inclusive financeiro) contratar agência. 

Nathaly Ferreira

Nathaly Ferreira

respondeu 7 meses atrás

Mariana eu já fiz intercâmbio e tenho inclusive um blog que conta a minha experiencia. Eu fui para a Nova Zelândia. Acho que lá você sana boa parte das suas dúvidas.

http://www.nathalyporai.blogspot.com.br/?m=1

Espero ter ajudado. Bjs

Ana Redig

Ana Redig Rio de Janeiro

respondeu 7 meses atrás

Mariana,

vá com empresa que tenha um bom histórico. Verifique com quem já foi e já voltou se foi tudo bem. Eles têm experiência com a documentação necessária, o caminho das pedras. Mas espertos têm em todo lugar. Vá com uma empresa confiável. Boa experiência!

Fernanda Krassuski

Fernanda Krassuski No mundo

respondeu 7 meses atrás

 Oi Mariana!

Olha, a resposta a essas perguntas vai depender muito do que você quer como resultado deste intercâmbio e quanto tempo e dinheiro você tem para investir na preparação e durante o intercâmbio.

Recomendo que você se faça algumas perguntas antes, tais como:

- Para quê eu quero fazer intercâmbio? (ex. aprender idioma, conhecer uma nova cultura, explorar um país para imigrar, fazer um curso universitário/técnico, trabalhar, etc...)

- De quanto dinheiro disponho? Vou precisar de uma bolsa de estudos? (no caso de curso universitário) Ou trabalhar para me manter?

- Desejo imigrar para outro país? Se sim, quais dos países que eu penso fazer intercâmbio tem melhores oportunidades de imigração? (Neste caso, eu diria que Canadá, Australia e Nova Zelândia, sendo o Canadá o mais "simples" - mas que precisa de um bom projeto que pode começar com um intercâmbio). Os países da América do Sul também não são difíceis para imigrar, mas lembre que são países menos desenvolvidos. A escolha do país depende de seus objetivos profissionais e de vida.

Se vc quiser saber mais sobre imigração para o Canadá, mais especificamente para a província de Quebec, tenho um blog sobre isso: http://vivaquebec.com/

Estas são algumas perguntas a se fazer para começar a definir um projeto de intercâmbio. Aí, dependendo do que você quiser, fica mais fácil ver se precisa de uma agência ou não.

Se for simplesmente aprender um idioma, recomendo que use uma agência mesmo, pelos motivos que outros já citaram.

A não ser que vc tenha algum familiar ou amigo que possa te receber em sua casa em algum dos países que vc deseja ir, aí recomendo que vá por conta própria.

Boa sorte!

Denize Pinto

Denize Pinto

respondeu 7 meses atrás

OLá Mariana,

Meu filho está fazendo High School na Nova Zelandia e está amando!! Também estamos adorando a assistência dada pela agência Day by Day aqui de São Paulo, especializada em intercâmbios na Nova Zelândia. Se quiser, te passo o contato

Carmen Fischer

Carmen Fischer

respondeu 7 meses atrás

Sim é mais vantajoso ir por empresa. Motivo principal é a segurança de ir para uma casa onde vc se sinta acolhida. Não sei sua idade mas imagino que seja o primeiro intercambio.

Existem várias empresas neste ramo mas se vc estiver em São Paulo indico o SIS. A dona foi intercambista e é muito cuidadosa com os detalhes. Faça um bom seguro saúde isso é impressindível, vc pode se arrepender depois se houver um problema.

 Aproveite e boa sorte.

Érica França - www.tempointegralblog.com

Érica França - www.tempointegralblog.com Jacareí, SP

respondeu 7 meses atrás

Oi, Mariana. Quando fiz intercâmbio, há bastante tempo, eu fui por uma empresa. Acredito que o melhor cuidado a tomar é pesquisar se a empresa é idônea e tentar conversar com pessoas que já tenham ido por esta empresa, para verificar como foi o atendimento, todo o processo e se a empresa atendeu as expectativas. 

Débora Resende

Débora Resende

respondeu 7 meses atrás

Primeiro é importante escolher o idioma que você quer aprender, aprimorar ou que você já sabe (caso vá para trabalhar). Escolhendo o idioma, pesquise sobre os países que tem esse idioma como lingua oficial e selecione os que tem mais a ver com seu perfil, com o tipo de cidade que você gosta, o clima, a infraestrutura que o país oferece...

E sobre empresa, é importante pesquisar com o máximo que vc puder. Faça vários orçamentos, converse com os atendentes e feche com a que te passar mais segurança. Não é mais vantajoso ir sem agencia, pq na maioria das vezes as agencias tem parceria com escolas, então fechando por conta ou com agencia o preço é quase o mesmo. Alem disso, se tiver algum problema durante o intercambio a agencia vai poder te ajudar :)

No meu blog tem algumas dicas de intercambio e viagens, se quiser conhecer: www.foconomundo.com.br

Responda a dúvida de Mariana

Escreva a sua resposta...
RESPONDER

Fique por dentro das novidades e melhores dicas:




Instagram


Perguntas que os viajantes também leram...

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.