Luisa Ferreira

Foz do Iguaçu: quando ir, por quanto tempo e o que fazer?

Estou planejando uma viagem a Foz do Iguaçu e queria dicas de roteiro :) Quais são as melhores épocas para ver as cataratas? Quais as vantagens do lado brasileiro e do lado argentino? Que outros passeios são interessantes por lá (além de compras no Paraguai, que não são muito minha praia hehe). Obrigada! :)

Meu perfil de viagem: Mochileiro

Responda a dúvida de Luisa

Escreva a sua resposta...
RESPONDER

7 Respostas

Ordenado por:
Lucas Caiado

MELHOR RESPOSTA

Lucas Caiado São Paulo

respondeu 1 ano atrás

Luisa,

já que o pessoal já elencou grande parte das atrações, vou tentar dar algumas dicas sobre compras:

1 - Paraguai

Não sei qual é o seu objtivo em relação às compras, mas seja o que for, lá tem de tudo um pouco. Há muita coisa que já não vale tanto a pena assim, entao é preciso ter noção dos preços no Brasil para que você não acabe comprando, por impulso, algo com valor superior.

Dito isso, eu sugeriria que você fizesse suas compras nas lojas mais conhecidas, em que a procedência do produto é mais garantida, tais como Monalisa, Mega, etc.

Se você estiver procurando artigos de luxo, não pode deixar de conhecer a S.A.X. É um lugar incrível, lindo e com uma infinidade de produtos, realmente impressionante: há de tudo! E os preços, a depender das promoções, ficam bem competitivos! Além do restaurante, no último andar, que é ótimo!
Lá (como todo lugar) você pode pagar em reais, o que ajuda bastante. Ou parcelar, a depender do valor, no cheque.

Para fugir das filas da fronteira, eu sugeriria a ida no domingo (mas, por outro lado, você terá menos tempo, pois as lojas fecham mais cedo).

De todo modo, é uma experiência muito interessante (e meio maluca), vale o passeio.

2 - Argentina

Não há muitas opções de compras na própria argentina. O que se acha de melhor são os vinhos e algumas comidinhas, como alfajores e embutidos.

O grande destaque é o Duty Free que tem entre as fronteiras, que é gigante! Lá você também pode pagar (inclusive parcelado) em reais, e os preços são, em geral, melhores do que os duty free de aeroportos. Há muitos produtos, muita coisa mesmo!

Independentemente de compras, não deixe de fazer uma bela refeição na Puerto Iguazu, as carnes são deliciosas!

No mais, lembre-se que há um limite a ser trazido sem necessidade de declaração: U$ 300,00. Acima, caso você seja parada, você terá de recolher 100% de imposto sobre o excedente.

Em relação aos pontos turísticos, além do já comentado eu não deixaria de ir ao Parque das aves . É bem legalzinho, vale a pena!

Espero ter ajudado!

Fiz essa viagem recentemente e adorei, quero voltar logo! Espero que aproveite!

Lucas Caiado

Lugares mencionados
  1. Parque das aves , Foz do Iguaçu PR BR
Tiago Imperatori

Tiago Imperatori Lajeado

respondeu 1 ano atrás

Luisa, Foz do Iguaçu tem várias atrações bacanas.

Um dia você reserva para conhecer as cataratas, onde tb é possível fazer o passeio de Macuco Safari (um bote que anda pelo rio até muito próximo das quedas) e o Parque das Aves, que é incrível (e fica ao lado do parque das cataratas). Para estes passeios há muitos ônibus, mas ir de carro compensa mais.

Além disso, sugiro ir na Usina Hidrelétrica de Itaipú, bem como ao Marco das Três Fronteiras (Brasil, Argentina e Paraguai). Como se está em uma cidade próxima ao Paraguai, é interessante conhecer a Ciudad del Leste, mesmo que não seja para compras, mas para se ter noção de como tudo aquilo funciona e que se vê em diversas reportagens. Se fores para esta cidade, sugiro deixar o carro em território brasileiro e ir de van (são muitas por lá) até o outro lado da ponte, pois geralmente o movimento é bastante intenso.

Para quem está do lado argentino a vista é mais bonita, mas mesmo assim, estando no lado brasileiro, a beleza é incrível!

Há alguns cassinos tb, mas isso depende do seu interesse.. hehe

Eu já fui para lá nos meses de verão e inverno e, em ambos os casos, peguei as cataratas cheias. Varia muito com relação à chuva.

Aproveite e boa viagem!

Abraços,

Tiago

Oldwoman Passing By

Oldwoman Passing By  Norwalk (Connecticut)

respondeu 1 ano atrás

Oi, Luisa: Foz do Iguaçu 
1) Fiquei fã das Cataratas, acho que são lindas em qualquer época, mas podem ser mais lindas na primavera e no verão; 2) É interessante observar as quedas de ambos os lados, tem diferentes perspectivas. Do lado brasileiro, se tem visão panorâmica, enquanto, do lado argentino (onde está a Garganta do Diabo), há maior integração com a natureza e maior aproximação das quedas, que podem ser vista de plataformas de diferentes níveis. 3) outros passeios: vale a sugestão da Valéria de conhecer os templos budista e muçulmano, mais a usina hidrelétrica de Itaipu Binancional (com espetáculo noturno de iluminação da barragem). Além disso, tem o Parque das Aves, ali pertinho.  Como atividades, é só escolher: trilhas, bicicletas, arvorismo, rapel ou passeios a bordo de lanchas infláveis - ou helicópteros - que levam os turistas até bem pertinho das quedas.  

Dá uma olhada neste site: http://www.cataratasdoiguacu.com.br/portal/

Boas viagens!

Lugares mencionados
  1. Foz do Iguaçu , PR BR
Valéria Eugenio

Valéria Eugenio Macaé

respondeu 1 ano atrás

Luisa,

O lado brasileiro tem uma vista melhor que o lado argentino... Melhor época com certeza março, época das chuvas!!!

Em Foz tem templos budistas, muçulmanos que valem ser conferidos...Além da hidroelétrica, é um touro bem interessante!

Na Argentina tem cassinos, caso goste!!

Malu Almeida

Malu Almeida São Paulo

respondeu 3 meses atrás

Luisa,

Eu fui em Junho e me arrependi um pouco, porque o tempo estava ruim. Uma garoa chata...

Mas independente disso eu consegui fazer todos os passeios e fui nos dois lados das cataratas... e não tem como explicar qual lado eu mais gostei, porque eu acho que um lado complementa o outro. Então eu indico os dois!!

Ahh.. e eu indico o Tetris Hostel pra se hospedar. Eu amei láá!!

Dayane Cavalcante

Dayane Cavalcante

respondeu 3 meses atrás

Olá Luisa, quando estiver quente, venha.

No frio, você não aproveita muita coisa não.

Melhor época é março, abril, setembro, outubro e novembro. Pois são fora de temporada e acredito que tudo seja mais barato, inclusive passagens.

Agora segue as inúmeras coisas que você pode fazer em Foz:

1 - Dia

No seu primeiro dia, deixe para ir para as Cataratas do lado brasileiro. O Parque Nacional abre as 9h00, recomendo comprar as entradas pela internet para que assim você não enfrente duas filas. Vá cedo para que possa fazer o passeio com tranquilidade e para que sobre tempo.

Dentro do Parque Nacional tem os passeios do Macuco Safari, com barcos, bikes e trilhas. E depois disso tudo, você poderá almoçar dentro do Parque em um belo restaurante à beira das cataratas e assim desfrutar de toda a paisagem e beleza que o lugar te oferece.

Este link te oferece a oportunidade de comprar o ticket pela internet e podes ainda ver tudo o que o Parque Nacional te oferece para fazer dentro dele, aproveite: http://www.cataratasdoiguacu.com.br

No caminho para as Cataratas há o Museu de Cera - Dream Land que vale a pena conferir.

2 - Dia

Em seu segundo dia, você já estará cansada, então faça um passeio mais tranquilo como a Itaipu, você pode também comprar e reservar pelo site (https://www.turismoitaipu.com.br).

Neste site você também encontrará todos os passeios que a itaipu oferece e pelo caminho você pode passar no Templo Budista e na Mesquita para conhecer, o que demorará apenas uns 20 a 40 minutos nestes dois lugares.

A noite, você pode desfrutar do Restaurante Rafaing Show, no qual o buffet é livre e você ainda janta assistindo um espetáculo de shows com danças típicas de toda a américa.

3 - Dia

Tire o terceiro dia para ir às Cataratas da Argentina, leve apenas dinheiro da moeda local, ou seja, deixa para trocar um dia antes no Brasil, no qual o câmbio está a 0.28 centavos o peso. Vá cedo para cruzar a fronteira, não esqueça da identidade ou do passaporte, menores de 18 anos só entram acompanhado de ambos os pais, ou autorização cartorária com reconhecimento de firma. Há diferença de uma hora, enquanto na Argentina o parque abre as 9horas, no Brasil isso será as 10h, portanto, não tenha medo de ir cedo, pois existe muita fila para cruzar a fronteira, ainda mais se for de carro.

Após o passeio nas cataratas da argentina, vá para a feirinha da cidade de Puerto Iguazu, aproveite o queijo, o salame, as azeitonas, o azeite de oliva, os alfajores, o vinho, a cerveja. Coma por ali mesmo e depois disso vá até o Marco das Américas no lado Argentino, desfrute a paisagem e o lindo pôr do sol, ao qual ocorre por volta das 20h00.

4 - Dia

Aproveite para ir ao Paraguai, e fazer as suas compras com mais calma e tranquilidade, as lojas no Paraguai abrem as 7horas da manhã e fecham as 4horas da tarde. Detalhe, não vá de carro, se for, vá até a ponte da amizade, e deixe seu carro estacionado em um estacionamento por lá, recomendo a bismillah, é de confiança e barato ainda, vale a pena fazer isso, do que um taxi ou ônibus.

Atravesse a pé a ponte, para que possas sentir a emoção e energia do local, mas não leve pulseiras, correntes, relógios ou qualquer coisa de ouro ou de valor junto consigo, bolsa sempre rente ao corpo. Não leve celular, até porque lá não pega mesmo.

Separe bem o seu dinheiro em todos os tipos de bolsos e seu documento de identificação. Pois paraguai é muita muvuca, e é interessante somente para compras mesmo. Você vai encontrar muitas pessoas na rua te oferecendo muita coisa para vender, desde calcinhas até perfumes, compre somente em lojas, quando se tratar de perfumes e eletrônicos, vestuários até compensa comprar na rua.

Eletronicos recomendo comprar na Mega Eletronicos, o dólar está alto, não sei se compensa muito, mas vai da questão de cada um.

Para comprar em lojas leve dólar, para comprar na rua leve real. É aceito ambas as moedas.

Caso consiga voltar para almoçar, há um restaurante na Vila A, que se chama Barracão, é a verdadeira comida da fazenda, vale a pena ir.

Para a noite ou dia, existem vários restaurantes na cidade, sem contar a grande quantidade de tipos de comida, como a comida àrabe, chinesa, japonesa, italiana, tailandesa, libanesa.

5 - Dia

Vá até o Marco das Américas do lado Brasileiro, tem restaurante e chopperia. Faça passeios mais ligths e conheça um pouco a cidade. Você com certeza não se arrependerá de conhecer esta cidade.

Heitor M. Corrêa

Heitor M. Corrêa Rio de Janeiro

respondeu 2 meses atrás

Luisa, voltei de Foz anteontem. Setembro/outubro é a melhor época, porque as cataratas estão cheias e faz tempo bom. Fiquei 5 dias (cheguei na terça e vim embora no domingo) e o meu roteiro foi o seguinte:

1º dia: Puerto Iguazú (Argentina). Fomos no final da tarde, de táxi (combinamos com o taxista de nos buscar lá depois; deu R$ 70 cada perna). Comemos, demos uma volta e compramos doce de leite e vinhos na Feirinha e depois andamos um pouco pelo centro.

2º dia: Parque das Aves e Parque Nacional do Iguaçu (Cataratas brasileiras). Ficam um de frente pro outro, é só atravessar a rua. Recomendo ir no Parque das Aves de manhã e nas Cataratas à tarde. Nestas últimas, não deixe de fazer o Macuco Safari!

3º dia: City tour em Ciudad del Este (Paraguai). Como não estávamos muito interessados em compras, optamos pelo city tour, só pra conhecer mesmo. O mais legal foram os Saltos del Monday, umas cataratas que ficam na cidade vizinha de Presidente Franco. No final, nosso ponto de encontro era no Shopping del Este, onde almoçamos no restaurante Del Fuego, mas, como os preços nas lojas eram todos em dólares e nos sobrou pouco tempo, acabamos não comprando nada.

4º dia: De manhã, fizemos um city tour em Foz, que tinha paradas no Marco das 3 Fronteiras, no Templo Budista e na Mesquita Muçulmana (que estava fechada pra reformas, portanto só pudemos ver do lado de fora). De tarde fomos à usina de Itaipu. Incrível, praticamente uma cidade! Pegamos o Circuito Especial, o Porto Kattamaram e a Iluminação da Barragem.

5º dia: Passamos o dia no Parque Nacional Iguazú, o lado argentino das Cataratas. O ponto alto da viagem! O parque é bem maior que o brasileiro e tem vistas bem mais impressionantes. Recomendo ir primeiro ao parque brasileiro e depois ao argentino.

 

Todos os passeios, exceto à ida a Puerto Iguazú, foram feitos com a Loumar Tourismo, que foi excelente. Além de a sede deles ficar ao lado do Hotel Bella Italia, onde nos hospedamos, eles tinham um estande dentro do próprio hotel, o que foi uma mão na roda!

Responda a dúvida de Luisa

Escreva a sua resposta...
RESPONDER

Fique por dentro das novidades e melhores dicas:




Instagram


Perguntas que os viajantes também leram...

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.