Mendoza

8 dias em Mendoza e arredores. Sugestões de roteiros!

Estou planejando minha viagem de inverno com o meu noivo a Mendoza.
Iremos de carro, já que moramos no RS e pretendemos ficar em torno de uns 8 dias.
Gostaria sugestões de roteiros que incluam:
- passeios diferenciados em meio à natureza;
- vinícolas interessantes e não muito caras;
- locais (não caros) para esquiar;
-bons restaurantes com preços justos.

Além disso, gostamos muito de sair à noite e apreciar cervejas artesanais, dicas de locais do gênero são ouro!

Bom, como vocês puderam perceber tentamos fazer o nosso estilo de "viagem mochilão" agregando passeios legais ao um bom custo.
Todas as experiências que puderem agregar serão extremamente bem vindas!!
Muito obrigada!!

Meu perfil de viagem: Aventureiro, Mochileiro

Responda a dúvida de Taís

Escreva a sua resposta...
RESPONDER

2 Respostas

Ordenado por:
Bianca Macedo

MELHOR RESPOSTA

Bianca Macedo Ribeirão Preto

respondeu 7 meses atrás

Olá Thaís! Não sei ainda se você está aceitando dicas...

Mas passei para indicar e reforçar a repressa de Potrerillos que é bem natureza mesmo e conta com uma paisagem de tirar o folêgo além de dar para ir tranquilamente de ônibus (super em conta) ou de carro (leve um lanche porque lá não tem nada para vender e nos poucos lugares que tem costumam ser caros). Outro lugar rodiado de natureza, muito bonito e com muito esporte de aventura é San Rafael (é uma provincia que fica a 232 km da cidade de Mendoza), além disso aproveite para curtir as praças, cerros e os parques da cidade de Mendoza. O parque General San Martín, o Parque Central (nesse as pessoas costumam ficar até tarde da noite e é bem seguro), praça Independência entre outras e o Cerro de La Gloria. 

Sobre as bodegas reforço o comentado pelo Dennis, todas é muito tranquilo ir de ônibus ou de carro, a maioria das que fui se concentrava em Maipu e em Luján de Cuyo, é super gostoso andar a pé entre uma e outra ou de bicicleta, em maipu existe uma avenida conhecida por rota 60 que tem várias bodegas. Lembre-se que as mais famosas por exemplo a Chandon tem que fazer reserva com antecedência agora outras como por exemplo a López (bem conhecida) e a Cecchin (essa é bem pequena e familiar) (ficam em Maipu) são gratuitas e não precisam de reserva.

Sobre restaurantes, tem uma rua no centro da cidade Peatonal Sarmiento (fica pertinho da Plaza Independência) que tem muitos restaurantes para se almoçar, alguns são mais caros e outros mais baratos, tem opção para todos os gostos. Tem um restaurante que achei barato e com comida boa na rua Espejo esquina com a av Mitrê de frente da praça Independência. Sobre cervejas artesanais, vida noturna e barzinhos cools o point é a av Arístides Villanueva. Lá tem muitooos bares os mais famosos são o Jerome the beer republic, Johnny B.Good, Willian Brown bar, Lerot (uma decoração muito legal e bebida barata) é só andar pela avenida que é bem movimentada e sentar em um.  Se você tiver longe do centro e mais perto de Luyan de Cuyo tem muitos bares legais em Chacras de Coria (alguns são um pouco mais caros). 

E lugares de esqui não posso te ajudar porque fui no verão ):

Espero ter te ajudado se precisar de mais ajuda pode perguntar!

Dennis Carlotti

Dennis Carlotti São Paulo

respondeu 8 meses atrás

Bom dia Taís,

Para explorar as atrações locais, como visitar as vinícolas ou as montanhas, pode-se alugar um veículo, contratar os serviços de um guia particular ou de uma agência de turismo ou ainda utilizar algum meio de transporte público local.

Se você optar conhecer a região, de forma mais barata e não faz questão de ir em nenhuma bodega (vinícula) específica, dá pra pegar ônibus de linha na própria cidade de Mendoza e ir para Coquimbito, que é  bem perto com umas 15 bodegas.. Logo que descer do ônibus você pode alugar uma bicicleta e fazer o percurso por conta própria, porque as bodegas são próximos e é bem plano por lá.. aproveitando e fazendo as degustações nas que você quiser parar.

Outras regiões famosas que você pode visitar são Maipú e Luján de Cuyo.. Em lujan você pode visitar a Bodega Chandon, filial argentina do grupo francês que produz os espumantes mais conhecidos do mundo!

Faça um tour pelos principais pontos turísticos de Mendoza. O passeio pode começar com uma boa caminhada pelo centro, explorando suas ruas arborizadas e grandes praças, entre elas a Plaza Independencia, que se encontra no coração da cidade. Nos arredores da praça você pode visitar museus, o mercado municipal e também as ruas de comércio, como a Av. San Martín. Visite também o Parque General San Martín, um dos maiores parques urbanos da Argentina. Próximo ao parque está o Cerro de La Glória.. um morro com um grande monumento no seu ponto mais alto e que possui uma vista panorâmica para toda a região.

Como irá ficar muitos dias, não deixe de ir as Termas de Cachueta, e fazer um passeio ou rafting nas águas do Rio Mendoza..

E as dicas acabam com um grande passeio nas montanhas da Cordilheiras dos Andres né..  É o passeio mais longo e cansativo dentro todos..Seja por conta própria ou através de uma agência, os locais visitados neste passeio pelas montanhas serão geralmente os mesmos: a represa Potrerillos, o povoado de Uspallata, a estação de esqui Los Penitentes, a Puente del Inca e o Parque Provincial do Aconcágua, de onde é possível avistar o Monte Aconcágua, o pico mais alto do hemisfério sul.

Opções de Bodegas = (Valle de Uco): Andeluna, Salentein..

Maipu = Família Zuccardi, La Rural, Trapiche..

Luján de Cuyo = Chandon, Catena Zapata, Luigi Bosca, Norton, Pulenta Estate..

Sobre restaurantes.. Mun Casarena, Azafrán Restó, Belasco de Baquedano (bodéga Belasco), Maria Antonieta Restaurant, Cava de Cano, La Vid, Siete Cocinas.. são algumas opções..

Espero ter ajudado e boa viagem =)


Fique por dentro das novidades e melhores dicas:




Instagram


Perguntas que os viajantes também leram...

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.