O que sou hoje, é fruto de viagens..


 Europa    2248 visualizações

Costumo dizer às pessoas que serei eternamente grato a minha mãe, não só por tudo que ela já fez por mim e pelo meu crescimento, mas principalmente por ter me ensinado o que é o prazer de viajar. Nunca tinha imaginado a possibilidade de viajar pra qualquer lugar que fosse, a não ser pra praia, e olhe lá, porque era raro, até que ela fechou uma viagem para Europa durante um mês e meio, só pra ela, afinal meu pai não conseguiria férias na mesma época e o máximo que pude fazer foi perguntar a ela se não poderia me levar, mas sem ter fé nenhuma que isso pudesse realmente acontecer.

Passados cinco meses, lá estávamos, eu e ela, prestes a embarcar para nossa primeira viagem internacional. Meu pai chorava no aeroporto, não sei se de saudades que sentiria, afinal nunca havia passado tanto tempo sem minha mãe e eu em casa, ou se por não estar indo no meu lugar haha.

Brasil – Frankfurt, pra quem nunca havia nem sonhado em andar de avião, onze horas de voo foi um grande impacto. De lá, direto para Paris, onde começaríamos nossa aventura. É engraçado que eu tinha quinze anos na época, mas me lembro como se fosse hoje de estar dentro do táxi a caminho do hotel, olhar a Torre Eiffel de longe e dizer a minha mãe: “Achei que fosse mais legal” hahaha. No dia do passeio, que eu realmente estava embaixo da Torre, olhei pra cima e além de admirá-la e pensar que só via aquilo pela TV, comecei a perceber além da beleza, o símbolo, a importância de tudo aquilo e quantas pessoas queriam estar no meu lugar naquele momento..  comecei a tremer e uma lágrima caiu de meus olhos, minha mãe não entendia o porque e acho que até hoje nunca consegui explicar tudo que senti naquele momento e porque eu chorei.

Dennis Carlotti adicionou foto de Europa Foto 1Dennis Carlotti adicionou foto de Europa Foto 2

Todos os países, cidades que percorri e conheci, estão não só nas fotos (que eu morria de vergonha de tirar, porque não tinha a noção do que era ser turista haha), mas na minha memória até hoje.. cada detalhe, cada gosto, cada pintura, cada igreja, cada museu, cada monumento é algo realmente fascinante.

França, Mônaco, Alemanha, Espanha, Áustria, Holanda, Itália, Bélgica, Suíça, Luxemburgo, Inglaterra foram os destinos. Entre eles todos eu conhecia mais minha mãe por estarmos juntos, brigávamos, aprendíamos juntos, nos virávamos juntos e nos surpreendíamos cada vez mais com tudo que vinha pela frente. Quando achávamos que o país mais bonito tinha passado, que nada seria mais emocionante do que aquele momento que estávamos vivendo, o próximo destino nos mostrava que estávamos errados.

Dennis Carlotti adicionou foto de Europa Foto 3Dennis Carlotti adicionou foto de Europa Foto 4Dennis Carlotti adicionou foto de Europa Foto 5

Hoje, eu realmente me tornei um viciado por viagens, leio todo dia, sem exceção, sobre todos os lugares possíveis.. lugares que eu já conheço, que eu não conheço, que eu espero conhecer e por isso decidi que minha vida não será mais ficar em um escritório e seguir os padrões que a sociedade nos exige. Não quero trocar de carro, não quero comprar um apartamento, não quero mais roupas novas, a partir do ano que vem começo meu objetivo pessoal que é conhecer o máximo que eu posso pelo mundo.. minha missão é viver, não sobreviver como faço hoje em dia em SP.. viajar, aprender, conhecer, errar, acertar, sentir saudade, sentir falta, mas viver, afinal, caixão não tem gaveta..  toda essa revolução na minha cabeça, começou ali, quando minha mãe me disse “Você vai junto comigo” e eu nem sabia..

- - - -

Se você curtiu esse texto, ficaria extremamente feliz se pudesse dar um nele aí embaixo ou compartilhar com seus amigos!

COMENTÁRIOS:

Analuiza Carvalho (Espiando Pelo Mundo)

Analuiza Carvalho (Espiando Pelo Mundo) comentou 8 meses atrás

oi! Penso exatamente assim! Carro? Roupas novas? Apartamento chique, celular? Para que? Para que? Hoje eu economizo tempo e dinheiro para gastá-los com viagens por aí, pelo mundo, pelos livros... Boa viagem para você. Sempre! Este mundão nos aguarda! :) Ana

Henry Barcelar

Henry Barcelar comentou 7 meses atrás

Muito show!! Penso a mesma coisa!!

Marlei Marques

Marlei Marques comentou 7 meses atrás

Nossa, que legal!!!!! Preciso sair da caixa também!!!!!!!!

Sam Moraes

Sam Moraes comentou 7 meses atrás

Nossa que texto mais lindo e profundo !!!!!! quero poder escrever um dia também um texto lindo de viagem igual o seu !!! =)

Aline Castanheira

Aline Castanheira comentou 7 meses atrás

Ótimo texto, expressa muito o sentimento de todos nós viajantes!

Thais Stevanatto

Thais Stevanatto comentou 7 meses atrás

emocionante!!!

Larissa Silva dos Reis

Larissa Silva dos Reis comentou 7 meses atrás

Me emocionou, sensacional

Dennis Carlotti

Dennis Carlotti comentou 7 meses atrás

Obrigado pelas palavras de todos.. fico feliz que tenham gostado, a intenção é tocar um pouquinho de cada um que leu de alguma forma a refletir e pensar um pouco mais sobre o que estamos fazendo, como gostaria que estivessemos e como vai ser daqui um tempo.. realizar os desejos que realmente queremos. =)

Iandra Mikaelly

Iandra Mikaelly comentou 7 meses atrás

Que texto, cara! Todas as partes, principalmente a da lágrima, resumiram tudo o que nós, apaixonados pelo mundo, sentimos :D adorei ler tua experiência.

Caminha Gente

Caminha Gente comentou 6 meses atrás

Muito bom seu texto a gente sente todas as emoções. Gostaria de publicar esse pode ser? por ser uma historia tão verdadeira e passar tantas emoções vividas. Aqui tá meu e-mail caminha_gente@outlook.com

Martha Sousa

Martha Sousa comentou 6 meses atrás

Show Dennis....o que você tem como projeto de vida, talvez seja a vontade de muitos. Somos cobrados por tanta coisa, que as pessoas piram quando se deparam com pessoas que passam o ano economizando o ano inteiro para poder cair neste mundão e ser feliz. A sensação é inebriante e viciante....

Malu Almeida

Malu Almeida comentou 6 meses atrás

Meu objetivo é o mesmo!! Sou apaixonada por viagens!

Claudio Tavares

Claudio Tavares comentou 6 meses atrás

Sem palavras.. vejo que mesmo eu sendo mais velho que você, tenho muito o que aprender ainda, só de admirar as palavras e sentir a emoção que este texto passa, meu deus!!!! Parabéns, como eu disse, você deveria ser guia turístico rs

Jeannie Klein

Jeannie Klein comentou 5 meses atrás

Acabei de ler este seu texto e me identifiquei tanto. Me emocionei! Sou viajante compulsiva pq "responsabilidade total e irrestrita" dos meus pais que foram sempre muito aventureiros. Saímos do interior do Paraná, no meio da década de oitenta, em carros sem nenhuma segurança, lotados de tranqueiras até o litoral catarinense para desfrutar do verão. Cada ano uma cidade diferente, um meio de hospedagem diferente (casa alugada, barraca, pousadas, etc) e assim nasceu o meu jeito viajante de ser, sem planos para ter patrimônio financeiro mas com um sonho de um passaporte recheado de carimbos!! Obrigada por dividir e por me inspirar!!

Kris Kuchenbecker Varela

Kris Kuchenbecker Varela comentou 5 meses atrás

Muito legal seu texto, Dennis! Me identifiquei com muita coisa dele :)

Heitor M. Corrêa

Heitor M. Corrêa comentou 3 meses atrás

Ducaraio, Dennão!

Ju Pavini

Ju Pavini comentou 3 meses atrás

Dennis! Me emocionei com o seu relato! Principalmente quando falou do seu sentimento vendo a torre Eiffel... Estar num lugar onde a gente só vê pela TV e de repente estar ali... vivendo aquele momento é uma sensação única. Estava falando sobre isso com o meu marido há poucos dias.... Tantos lugares que a gente sonha...e saber que com planejamento a gente pode um dia realizar. Que vc possa realizar seus sonhos, conhecer muitos outros lugares e continuar dividindo suas experiências conosco! Abraços


Fique por dentro das novidades e melhores dicas:




Instagram


Viajantes também leram:

SUA VIAGEM COMEÇA AQUI

Dubbi é um novo espaço para pessoas incríveis que amam viajar possam interagir, se ajudar e compartilhar suas histórias e dicas de viagem.

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.