Milhas aéreas podem ajudar quem viaja com frequência; veja dicas


 América, Europa, Ásia, Oceania, África  

O que um viajante faz com mais frequência? Viaja, claro. É por isso que as companhias aéreas criaram os programas de fidelidade, para fazer o cliente voar sempre pela empresa. Com eles, você acumula milhas e consegue trocar por passagens aéreas. Para conseguir aproveitar as milhas ao máximo e não cair em ciladas, a seção “Fique Esperto” dessa semana traz algumas dicas. Boa viagem!

Como fazer

O passo a passo para se inscrever em um programa é fácil. No site da companhia aérea, haverá a seção milhas. A cada voo que fizer, preencha com seu número de inscrição ou usuário no ato da compra. Pronto, os créditos estarão automaticamente debitados após a viagem (o prazo varia de companhia para companhia).

Quanto antes, melhor.

Essa é a condição básica para gastar menos milhas em uma troca. O mesmo trecho em 30 dias ou 90 dias terá um consumo diferente de pontos. Por isso, planejamento é tudo.

DUBBI  adicionou foto de América,Europa,Ásia,Oceania,África Foto 1

Rede de parceiros

Na hora de escolher por qual programa de fidelidade optar, é necessário levar em conta dois pontos. O primeiro, qual companhia aérea atende mais os destinos que você costuma embarcar ou pretende viajar nos próximos anos, pois elas não são transferidas de uma para outra, nem mesmo entre empresas que pertencem às mesmas alianças aéreas internacionais. O segundo, qual a rede de parceiros do programa. Se o viajante abastece sempre em um posto de combustível pertencente àquele programa, é uma maneira de aumentar a pontuação sem nem sequer sair de sua cidade.

Não é o fim

As milhas vencem, geralmente em um período de 2 a 6 anos, dependendo de sua companhia aérea. Muita gente pensa que uma vez passado o prazo, é impossível recuperar esses pontos. Mas isso não é verdade. Em alguns programas dá para se obter de volta, pagando uma taxa. Pode valer a pena, principalmente em situações para completar as milhas necessárias para uma viagem. Não reative se não for usar em pouco tempo, pois esses pontos recuperados têm um novo prazo de validade.

Cartão de crédito

Uma maneira de acumular mais pontos é o pagamento da fatura de cartão de crédito, que permite trocar por milhas aéreas. Mas só vale a pena se você consegue pagá-la dentro do prazo, pois os juros após o vencimento farão com que qualquer desconto obtido com os pontos fique elas por elas - ou, ainda pior, mais caro.

Promoções

Em geral, aquelas passagens aéreas por preços malucos não entram na contagem dos pontos. Nesses momentos, não é hora de pensar em viagens futuras e incertas. Compre na promoção, mesmo que não reverta pontos.

Solidariedade

Sua milha vai vencer e você não pretende viajar a tempo hábil de utilizá-las? Isso não é problema. A maioria dos programas de fidelidade permitem a troca, respeitadas algumas condições, como a pessoa que for receber estar inscrita no mesmo programa e a cobrança de uma taxa por milha transferida. Por isso que aquele amigo está sempre viajando com as milhas do pai..

- - - -

Se você curtiu esse texto, ficaria extremamente feliz se pudesse dar um nele aí embaixo ou compartilhar com seus amigos!

COMENTÁRIOS:


Fique por dentro das novidades e melhores dicas:




Instagram


Viajantes também leram:

SUA VIAGEM COMEÇA AQUI

Dubbi é um novo espaço para pessoas incríveis que amam viajar possam interagir, se ajudar e compartilhar suas histórias e dicas de viagem.

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.