Como viajar pelo mundo mesmo com o dólar alto?


 Viajando no dolar  

Uma coisa todo viajante sabe: com o dólar alto, é hora de tomar certos cuidados na hora de pegar a estrada. Como a moeda americana está batendo na casa dos R$ 4, o Dubbi preparou algumas dicas para ajudar os usuários a planejar a próxima viagem.

Em casa

Que tal aproveitar a alta da moeda norte-americana para conhecer destinos brasileiros? O Nordeste, por exemplo, sempre tão caro, pode sair proporcionalmente mais vantajoso que uma viagem ao exterior.

Ou então, ao invés de fazer uma única viagem, por que não picotá-la em várias no Brasil? Ir aos Estados Unidos uma única vez pode render 3 ou 4 passeios por aqui.

Mais em conta

Em épocas normais, o raciocínio para quem quer gastar pouco é: escolha um destino barato. Com o dólar nas alturas, a matemática é semelhante: opte por um país cuja alta da moeda não tenha tanta influencia. Egito, Uruguai, Colômbia, Índia, Indonésia, Rússia e Turquia são alguns dos destinos nessa lista.

DUBBI  adicionou foto de  Foto 1

O caro sai barato

Mas meu sonho ir aos Estados Unidos e à Europa, e agora? Mesmo com viagens internacionais mais caras, é possível ainda assim conhecer destinos em conta.

Parece óbvio, mas pesquise muito as passagens antes de comprar. Se a ordem é economizar, opte por voos com horários malucos e que façam duas escalas, por exemplo.

Se necessário, durma em aeroporto. Ou então opte por hostels, Airbnb, Couchsurfing. Se tiver um amigo ou amigo de amigo fazendo intercâmbio ou morando fora do país, então, melhor ainda --tente descolar uma hospedagem gratuita ou que custe apenas algumas cervejas.. Na hora de comer, esqueça completamente os luxos. É hora de conhecer os melhores mercados da região e usar bastante o microondas. Além disso, toda cidade tem restaurantes com preços amigáveis. Então, novamente, não se canse de pesquisar na internet, consultar amigos, ou fazer uma pergunta aqui no Dubbi mesmo.

Não espere

Não adie sua próxima viagem por causa da alta do dólar e das turbulências no cenário econômico brasileiro. A perspectiva para os próximos meses (e até anos) não é muito animadora.

Por isso, se você não viajar hoje, também não vai pegar a estrada no curto prazo. Pior: a cotação do dólar pode ficar até mais alta.

- - - -

Se você curtiu esse texto, ficaria extremamente feliz se pudesse dar um nele aí embaixo ou compartilhar com seus amigos!

COMENTÁRIOS:

Dani Moitinho

Dani Moitinho comentou 1 ano atrás

Rússia é uma das opções baratas? :o Já estava louca pra visitar São Petesburgo, agora quero mais ainda haha


Fique por dentro das novidades e melhores dicas:




Instagram


Viajantes também leram:

SUA VIAGEM COMEÇA AQUI

Dubbi é um novo espaço para pessoas incríveis que amam viajar possam interagir, se ajudar e compartilhar suas histórias e dicas de viagem.

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.