Aluguel de Carro: A Política de Combustível


 Europa    1649 visualizações

 Daniel Ribeiro adicionou foto de Europa Foto 1

Hoje eu quero falar sobre uma das coisas sobre o aluguel do carro que as pessoas muitas vezes nem sabem que existe: as políticas de combustível.

A maioria das pessoas, quando vai alugar um carro, pensam que a política de combustível é a única que existe - do tanque cheio pra cheio - que é aquela mais tradicional, que é quando você aluga o carro, ele vem com o tanque cheio, e antes de devolver, completa o tanque novamente e devolver o carro.

Essa é sim a mais tradicional e a mais conhecida, mas hoje em dia já tem mais algumas outras formas de política que muitas vezes as pessoas não sabem, e acabam alugando o carro com esse tipo de modalidade, e pode acontecer de, na hora de devolver o carro, acabar perdendo muito dinheiro. Isso é muito comum, simplesmente por que as pessoas não se atentam a essas políticas.


"Você vai ver que tem uns que tem o preço mais alto, outros que tem o preço mais baixo, e um dos
principais motivos desses preços serem diferentes é justamente a política de combustível."


Normalmente, quando você vai alugar um carro, a tendência (e eu indico isso) é que você busque em grandes sites que comparam várias empresas de carro ao mesmo tempo. Elas não são, necessariamente, os melhores lugares para você reservar, mas são os melhores lugares para você começar sua pesquisa e começar a descobrir quais são as companhias e quais os modelos de carros mais adequados, com melhor custo-benefício para sua viagem.

Quando você lista os resultados nesses sites de locação, você vai começar a reparar que há carros de mesmo modelo, ou de modelos parecidos, que tem preços bem diferentes. Você vai ver que tem uns que tem o preço mais alto, outros que tem o preço mais baixo, e um dos principais motivos desses preços serem diferentes é justamente a política de combustível.

Há basicamente duas políticas de combustível: a política do cheio pra cheio (que basta devolver o carro com o tanque cheio, conforme você pegou) e a política do combustível pré-pago. Muitas companhias já estão trabalhando com essa modalidade, muitas costumam dar ao cliente a opção de qual ele prefere, e é muito importante que você entenda a diferença entre elas. É importante que você entenda, na hora de listar o preço, o porquê que os preços dos carros serem diferentes e também o porquê do tanque cheio pra cheio acabar sendo mais caro (num primeiro momento), do que a política do pré-pago.

Então, como funciona o pré-pago: a ideia é que você, no momento do aluguel do carro, você já pague um tanque inteiro de combustível. O preço do combustível é uma tarifa deles, e acaba sendo um pouco mais caro do que o preço do combustível na rua. E a ideia é que você possa devolver o carro de qualquer jeito, seja com o tanque cheio ou vazio, isso não importa, já que você já pagou um tanque inteiro.

E é aí que entra a pegadinha. Quando você está pesquisando, você vê que o pré pago acaba sendo um pouco mais barato, pois, no final das contas, quando você tem que pagar um tanque inteiro, ele acaba saindo mais caro no final. Então tenha atenção com isso.

E dentro da modalidade de pré-pago, você ainda tem três tipos. Tem o pré-pago onde você tem direito ao reembolso, você paga o tanque cheio na hora de alugar, vai passear com o carro e, na hora da devolução, se sobrar meio tanque de combustível, você vai ser reembolsado por esse meio tanque. A questão aí é que os preços de combustível praticados pela companhia de aluguel de carros são diferentes dos preços de combustível da rua. Então, no final das contas pode ser que você perca dinheiro usando esse tipo de modalidade.

A outra modalidade é o pré-pago com reembolso parcial, onde você também aluga o carro com o tanque cheio, mas a diferença é que você paga algumas tarifas a mais, que são tarifas de combustível, que a própria empresa cobra só por encher seu tanque, abastecer e fazer todo esse trâmite. Então você paga o tanque cheio, paga essas tarifas, vai passear e, na hora de devolver o carro eles só vão te reembolsar o combustível, eles não vão reembolsar nenhuma eventual tarifa que foi cobrada pelo uso do combustível. Nessa modalidade você perde um pouco mais de dinheiro.


"O pré-pago só vai valer muito a pena se for a opção com reembolso e caso você esteja com o tempo muito corrido"

E tem ainda o pré-pago que não é reembolsado, e a ideia é que você pegue o carro com o tanque cheio, pague por esse tanque, e você devolva ele o mais vazio possível, o que nem sempre é fácil fazer, e você ficar até sem combustível se ficar rodando na rua tentando acabar com a gasolina do carro. E como não é reembolsado, se você devolver o carro com meio tanque, você perdeu aquele meio tanque.

Recapitulando, você tem as modalidades de política de combustível cheio pra cheio (que é o que a maioria usa), e você tem o pré-pago. O pré-pago ainda tem três modalidades que é de reembolso de combustível, o de reembolso parcial que é reembolsado uma parte do combustível, e tem o sem reembolso.

Preste bastante atenção quando você tiver procurando um carro, observe bem a política de combustível que isso pode fazer muita diferença.

Mas, afinal, qual é a melhor? A que eu recomendo, que eu acho que não vai ter surpresas pra você e nenhuma tarifa a mais ligada a combustível é a cheio pra cheio. Dá um pouco mais de trabalho, por que você no final vai ter que encher o tanque de combustível antes de devolver, mas vale mais a pena em relação à economia. E você também não vai ter surpresas por que, as vezes, quando você volta e descobre que largou meio tanque de combustível no módulo pré-pago, quando você faz os cálculos você vai descobrir que é muito mais dinheiro do que você gostaria que fosse.

O pré-pago só vai valer muito a pena se for a opção com reembolso e caso você esteja com o tempo muito corrido, já sabendo que vai devolver o carro em cima da hora pra ir pro aeroporto, ou pegar um voo, ou pra algum compromisso com o horário marcado e você não vai ter tempo de parar num posto pra abastecer, aí começa a valer a pena, contando que seja com reembolso. Fora isso eu não aconselho, por que em questões econômicas você vai perder muito dinheiro.

Então, preste atenção na política de combustível quando você tiver alugando um carro, e eu espero que essa dica tenha te ajuda e te ajude daqui pra frente nos seus aluguéis.

Um grande abraço!

Daniel Ribeiro
GoEuropa.com.br
 
>> Se você gostou dessa dica, eu tenho uma ainda melhor! Eu preparei um ebook, completamente gratuito, com ainda mais dicas para sua viagem para Europa. Para receber esse ebook gratuitamente é só clicar aqui.

- - - -

Se você curtiu esse texto, ficaria extremamente feliz se pudesse dar um nele aí embaixo ou compartilhar com seus amigos!

COMENTÁRIOS:


Fique por dentro das novidades e melhores dicas:




Instagram


SUA VIAGEM COMEÇA AQUI

Dubbi é um novo espaço para pessoas incríveis que amam viajar possam interagir, se ajudar e compartilhar suas histórias e dicas de viagem.

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.